Andreia Norton: “Sinto o grupo mais confiante”

Portugal prossegue a qualificação para o Mundial-2019 na sexta-feira, diante da Bélgica. A internacional portuguesa Andreia Norton acredita que a armada lusa está mais preparada para superar dificuldades.

“Os trabalhos estão a correr muito bem. Estamos todas focadas no jogo com a Bélgica”, resumiu Andreia Norton, no final do treino que a Seleção Nacional A feminina realizou neste domingo de Páscoa, tendo em vista o próximo jogo de qualificação para o Campeonato do Mundo França-2019.

A partida frente às belgas está agendada para sexta-feira, em Lovaina, às 19h30 locais**. E a internacional portuguesa espera um encontro “ainda mais difícil que o primeiro”, que Portugal perdeu em Penafiel, por 1-0, em outubro de 2017, no arranque da caminhada de qualificação.

“Não guardamos boas recordações desse jogo, mais pelo resultado do que pela nossa exibição. Perdemos pela margem mínima e saímos do relvado com um sentimento de injustiça, porque podíamos ter ganho ou, pelo menos, empatado”, contou Andreia Norton, acrescentando que Portugal “não teve a sorte do jogo”.

A jogadora do SC Braga espera “uma Bélgica ainda mais forte” do que a que viu em Penafiel, até por ser “favorita em casa” e querer “somar mais uma vitória”. No entanto, acredita que a armada lusa está mais preparada para chegar à vitória.

“Acredito que estamos mais próximas de ganhar e não é só pela forma como estão a correr os treinos. Noto que a equipa está mais entrosada e sinto o grupo mais confiante, depois de termos ficado em terceiro na Algarve Cup“, explicou, acrescentando que “Portugal defrontou as melhores seleções do Mundo e foi taco a taco”.

“Não ficámos atrás de nenhuma dessas seleções de topo. Até fomos superiores. Isso deu-nos uma injeção de confiança e crença nas nossas capacidades. Mas sabemos que não podemos relaxar nesta fase. Temos de repetir as boas rotinas, sim, mas também temos de melhorar muito na organização, para superarmos todas as dificuldades”, rematou.

Treino aberto com o grupo completo

Para esta segunda-feira, a Equipa das Quinas tem agendado um treino para as 18h00, no relvado 1 da Cidade do Futebol. O apronto será completamente aberto aos órgãos de comunicação social.

Pela primeira vez no estágio, Francisco Neto terá à sua disposição as 20 jogadoras convocadas. Cláudia Neto, Nádia Gomes e Raquel Infante foram autorizadas a integrar mais tarde os trabalhos, devido a compromissos nos clubes que representam.

Quarto jogo de qualificação

A armada lusa, recorde-se, já disputou três partidas no Grupo 6 de qualificação para o Mundial, frente às seleções de Bélgica (derrota por 1-0), Moldávia (vitória por 8-0) e Itália (derrota por 1-0).

A formação comandada por Francisco Neto encontra-se no terceiro lugar do grupo, com três pontos conquistados, enquanto as belgas seguem no segundo, com nove pontos, depois de terem vencido os jogos com Moldávia (12-0), Portugal (1-0) e Roménia (3-2).  A Itália lidera o Grupo 6 com 12 pontos, e mais um jogo disputado.

Sexta tentativa lusa

Depois da primeira participação no Europeu França-2017, Portugal sonha com a estreia na fase final do próximo Mundial, que irá decorrer em terras gaulesas, entre 7 de junho e 7 de julho de 2019.

A armada lusa disputou, sem êxito, o apuramento para os Campeonatos do Mundo de 1999 (EUA), 2003 (EUA), 2007 (China), 2011 (Alemanha) e 2015 (Canadá).

A melhor prestação de Portugal aconteceu na penúltima tentativa, na qualificação para o Mundial de 2011. A equipa garantiu então o 3.º lugar no grupo em que estava inserida, com 12 pontos conquistados em 24 possíveis.

DESCARREGUE AQUI O MEDIA GUIDE DA SELEÇÃO NACIONAL

**As horas indicadas são as locais. Em Portugal continental é menos uma hora.

In www.fpf.pt

Sandra Costa

O futebol faz parte da minha vida. Desde cedo que jogo futebol e decidi criar o Portal Futebol Feminino em Portugal porque senti que ninguém conhecia, sabia ou falava de futebol feminino.

Deixe um comentário