Seleção A: Portugal perde em Florença

Eficácia italiana fez a diferença em mais um jogo de qualificação para o Mundial-2019. Segue-se a Roménia no caminho da armada lusa.

A Seleção Nacional A feminina perdeu, esta sexta-feira, com a congénere da Itália por 3-0,  num jogo disputado em Florença e a contar para o Grupo 6 de qualificação para o Mundial-2019.

Com este resultado, a formação portuguesa complicou mais as suas contas de apuramento, pois permanece no terceiro lugar, com quatro pontos, atrás da Bélgica, segunda classificada, com dez. Já a Itália conquistou em casa os pontos (21) de que necessitava para se qualificar diretamente.

O primeiro classificado, recorde-se, apura-se diretamente para o Mundial de França, enquanto os quatro segundos classificados com melhor registo contra o primeiro, terceiro e quarto posicionados vão disputar um ‘play-off’.

Para assegurar o segundo lugar, a Equipa das Quinas terá de vencer os próximos três encontros de qualificação e esperar que a Bélgica perca os três que ainda tem por disputar.

Duas partes distintas

As transalpinas iniciaram o jogo a todo o gás, surpreendendo a formação lusa de bola parada, numa altura em que ambas as equipas estavam a organizar-se.

Girelli colocou a Itália em vantagem aos quatro minutos. Aos treze, Salvai confirmou a eficácia da sua equipa com mais um golo no segundo remate à baliza.

Após o intervalo, Portugal entrou mais esclarecido e organizado, beneficiando das substituições operadas por Francisco Neto. As portuguesas travaram e anteciparam melhor as investidas locais. E conseguiram surgir com perigo nos domínios da Itália: Dolores Silva ameaçou e Tatiana Pinto também esteve perto do golo.

Nos instantes finais, numa jogada de insistência de Bonansea, a Itália voltou a marcar, fazendo depois a festa no relvado.

Depois deste encontro em Florença, a Equipa das Quinas viajará no domingo para Suceava, Roménia, para defrontar a seleção local.

Ficha de jogo:

Qualificação para o Campeonato do Mundo França-2019
5.ª jornada do Grupo 6

Estádio Artemio Francchi, Florença

Árbitro: Pernilla Larsson (Suécia)
Árbitros assistentes: Sandra österberg (Suécia) e Camilla Stendhal (Suécia)
Quarto árbitro: Veronica Vettorel (Itália)

Itália 3 – 0 Portugal (2-0 ao intervalo)

Itália: Pipitone, Guagni, Sara Gama-cap., Cecilia Salvai, Elisa Bartoli , Aurora Galli, Manuela Giugliano (Valentina Cernoia, 81′), Barbara Bonansea, Martina Rosucci (Alice Parisi, 34′), Girelli, Daniela Sabatino (Ilaria Mauro, 61′).
Suplentes não utilizadas: Guidi, Linari, Lisa Boattin, Alborghetti.
Treinadora: Milena Bertolini
Golos: 1-0, por Girelli (4′); por Salvai (13′); Bonansea (90’+1′)
Disciplina: Amarelo – Sabatino (23′); Parisi (58′)

Portugal: Patrícia Morais, Ana Borges, Raquel Infante, Carole Costa, Dolores Silva, Fátima Pinto (Jéssica Silva, 46′), Tatiana Pinto, Andreia Norton (Laura Luís, 67′)  Cláudia Neto-cap., Diana Silva, Carolina Mendes (Vanessa Marques, 46′) .
Suplentes não utilizadas: Inês Pereira, Sílvia Rebelo, Mónica Mendes, Matilde Fidalgo.
Treinador: Francisco Neto
Golos: Amarelos – Ana Borges (71′).
Disciplina: -.

In fpf.pt

AnaSilva

Adepta do desporto em geral, mas apaixonada pela modalidade REI (Futebol). Passei a fazer parte deste projecto Portal Futebol Feminino em Portugal com a intenção de poder ajudar na divulgação e promoção do Futebol Feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *