Seleção AA: “Fomos superiores e merecíamos mais”, Francisco Neto

O Selecionador Nacional mostrou-se orgulhoso pela bravura das jogadoras, mas não escondeu a frustração pela derrota. Ana Borges destaca a superioridade portuguesa.

A Seleção Nacional A Feminina perdeu, esta terça-feira, frente a Itália pela margem mínima. Francisco Neto, após a partida, revelou um “misto de emoções”: “Estou muito orgulhoso pelo que conseguimos fazer e satisfeito pela qualidade que mostrámos. Não se notou o diferencial com a Itália. Tem de encher de orgulho a bravura e a organização que estas jogadoras tiveram; depois, frustrado, porque fomos superiores e merecíamos mais. Já houve jogos em que tivemos menos oportunidades e vencemos”, assinalou.

Questionado sobre as contas do grupo, o Selecionador Nacional garante que a Equipa das Quinas continuará na luta: “Neste momento deixámos de depender só de nós, mas sabemos que o grupo é muito equilibrado e tudo pode acontecer. Os melhores segundos serão quatro equipas e ainda poderemos entrar nesse lote. Com esta atitude e comportamento acredito que vamos estar na luta. Deixam-nos antever que iremos pelo menos lutar por esses objetivos”, admitiu.

Vanessa Marques também abordou a derrota diante de Itália:

Em conferência de imprensa, Ana Borges destacou a superioridade lusa e lamentou a ineficácia: “Sabemos que isto faz parte do futebol. Portugal foi claramente a melhor equipa, tivemos as nossas ocasiões, mas não marcámos e saímos com um sabor bastante amargo por não levar os três pontos. Não concretizámos as nossas oportunidades. Se tivéssemos marcado o jogo podia ter sido outro. Foram mais felizes. O nosso melhor está por vir, ainda temos muito jogos”, adiantou.

Relativamente às hipóteses portuguesas neste apuramento, a lateral/extremo partilhou a mesma ideia de Neto: “Enquanto for possível, vamos entrar em todos os jogos para ganhar. Neste momento não conseguimos pontuar com a Bélgica ou a Itália, mas ainda há muitos jogos”, finalizou.

In fpf.pt

AS

Desde sempre que jogo Futebol, mas nunca fui federada. O Portal Futebol Feminino em Portugal entrou na minha vida após uma pesquisa que estava fazer sobre o Futebol Feminino, e então cá estou a colaborar.

One Reply to “Seleção AA: “Fomos superiores e merecíamos mais”, Francisco Neto”

  1. me desculpem o meu comentario mas quem coloca a ana borges a defesa direita nao quer ganhar os jogos nao so pela sua tecnica e velocidade mas porque ela com com a diana silva sao uma dupla temivel rotinadas uma com a outra –pergunto ja imaginaram o fernando santos colocar o ronaldo a defesa central parabens as jugadoras que em nada ficam a dever a equipe italiana mas uma maquina para funcionar bem nao basta ter boas pecas precisa de um bom mecanico para colocar as pecas no lugar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *