Sub-19: “Temos o sonho de estar no Euro”, Neuza Bezugo

A centrocampista lusa destaca a competitividade e a qualidade das jogadoras lusas.

A Seleção Nacional feminina sub-19 prossegue esta quarta-feira com os trabalhos no âmbito do último estágio de preparação antes de José Paisana anunciar o nome das eleitas para a Ronda de Elite – a derradeira fase de qualificação para o Campeonato da Europa -, em que Portugal vai jogar diante de Sérvia, Dinamarca e País de Gales, entre os dias 2 e 8 de abril.

Em declarações ao fpf.pt, Neuza Bezugo explicou que a competitividade é grande, pois todas querem estar presentes na Ronda de Elite.

“Trabalhamos sempre no máximo em todos os estágios e a competitividade é sempre grande, pois sabemos que este não é um grupo fechado e é ainda mais alargado. Ninguém tem um lugar garantido e lutamos sempre até ao fim. Sabemos que formamos uma grande equipa. Estamos 25 neste estágio, mas ainda existem outras jogadoras com muita qualidade para integrar o grupo. Há sempre jogadoras que podem acrescentar mais ao grupo, mesmo em termos de qualidade de jogo, e isso tem vindo a acontecer com as jogadoras que chegam de novo que se têm integrado bem.”

A centrocampista lusa adiantou que a Equipa das Quinas já trabalha focada nas dificuldades que irão encontrar na qualificação.

“Temos de estar 100 por cento focadas em todos os momentos e agora o nosso foco são esses jogos. Temos de pensar num jogo de cada vez, mas estamos a preparar-nos para estar bem nas três partidas que vamos ter pela frente. Queremos ganhar e temos um grande sonho que é estar presente no Euro. Trabalhamos com grande afinco para que possamos lá chegar. Sabemos que vamos de ter de dar o nosso máximo para vencer todos os jogos. Para termos sucesso teremos de desenvolver um grande trabalho.  Temos vindo a trabalhar desde setembro focadas nesse objetivo.”

O crescimento que o futebol feminino tem registado é, para a jogadora do Sporting, o resultado do investimento feito pela Federação Portuguesa de Futebol e dos clubes.

“Temos jogadoras com muita qualidade que têm conseguido bons resultados – tanto no Europeu como, mais recentemente, na Algarve Cup. Este é o fruto do trabalho realizado pela Federação Portuguesa de Futebol e dos clubes. Tem-se registado uma grande evolução e ainda pode evoluir muito mais. Começam a surgir meninas de 13/14 anos com grande qualidade e aposta tem de continuar, pois se assim for teremos ainda mais frutos para colher daqui a uns anos. Nas seleções jovens, sub-19, sub-17, sub-16, sub-15, está a ser desenvolvido um grande trabalho. Há meninas das sub-15 que já são chamadas para a Seleção sub-17, o que é demonstrativo da enorme qualidade que têm. Há cada vez mais escalões de formação nos clubes e isso tem vindo a aumentar a qualidade das seleções. Marcamos presença habitual na Ronda de Elite e estamos a trabalhar para ir a mais um Europeu.”

Após o treino desta manhã, a equipa cruzou-se com os jogadores da Seleção Nacional e assistiram à parte final do treino da Seleção A, com quem também falaram e aproveitaram para tirar algumas selfies. A jogadora lusa destacou a simpatia e a proximidade existente entre os jogadores que já são profissionais e as jogadoras que sonham chegar longe no futebol.

“Acaba por ser uma experiência diferente estar perto dos jogadores que estamos habituadas a ver na televisão. Estivemos a assistir à parte final do treino da Seleção A. Pudemos ver que jogam muito e são os melhores dos melhores, pelo que foram campeões. Tivemos oportunidade de falar com alguns deles e são muito simpáticos. Tirámos algumas fotos com eles e perguntaram-nos algumas coisas. Chamaram-nos e disseram que estão connosco. Tirámos também algumas selfies com os sub-21 que estão no mesmo hotel que nós.”

Esta tarde, a formação lusa disputará um jogo-treino diante da formação masculina de iniciados do SL Benfica.

Eis a lista de jogadoras que trabalham às ordens deeeJosé Paisana:
CA Ouriense: Juliana Domingues e Filipa Matos;
Clube Albergaria: Daniela Silva;
Clube Futebol Benfica: Catarina Pereira;
Dames (Bélgica): Joana Seabra;
EF Hernâni Gonçalves: Patrícia Teixeira e Luana Monteiro;
GD Estoril-Praia: Catarina Amado e Vitória Antunes;
UR Cadima: Nicole Nunes;
SC Braga: Inês Queiroga, Bárbara Marques e Francisca Silva;
Sporting CP: Carolina Vilão, Joana Martins, Beatriz Conduto, Bruna Costa, Neuza Bezugo, Inês Macedo, Inês Salvador e Matilde Raposo;
Valadares Gaia FC: Ana Beatriz Correia, Cláudia Rocha e Carolina Rocha;
Vilaverdense FC: Cláudia Machado e Diva Meira.

Programa da Seleção Nacional:
21.03.2018 | quarta-feira
10h30 
Treino
18h30 Jogo-treino com equipa de Iniciados SL Benfica

22.03.2018 | quinta-feira
10h30 
Treino

In fpf.pt

AnaSilva

Adepta do desporto em geral, mas apaixonada pela modalidade REI (Futebol). Passei a fazer parte deste projecto Portal Futebol Feminino em Portugal com a intenção de poder ajudar na divulgação e promoção do Futebol Feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *