As Raparigas do Jogo – Entrevista a Carla Couto


A rapariga do Futebol com quem iniciamos a rubrica entrevistas, teria de ser a jogadora mais internacional de sempre da Federação Portuguesa de Futebol: Carla Couto.

1) IDENTIFICAÇÃO

Nome completo: Carla Sofia Basílio Couto

Alcunha: CC.

Data e local de nascimento: 12/04/74 –   S Sebastião da Pedreira/Lisboa.

Profissão: Auxiliar de Acção Educativa.

O futebol foi a tua 1ª modalidade federada? Não, foi o Atletismo.

Ano de início de prática federada futebol: 1992 ou 1993.

Clubes que já representaste no futebol: Sporting Clube Portugal, Trajouce, SU 1º de Dezembro, Futebol Benfica e uma equipa da China

Clube Actual: Sociedade União 1º de Dezembro.

Títulos Conquistados: 10 títulos nacionais e 4 ou 5 taças de Portugal.

Número de internacionalizações: 128.

Posto específico: Avançada.

2) ENTREVISTA

JR – Como é que começaste a praticar futebol?

Desde muito nova que jogava futebol na escola, e nos torneios do parque de campismo, depois participei em cinco Jogos da Cidade de Lisboa em futebol de cinco e aos 17 anos comecei no futebol de onze.

JR – No início da prática federada, qual foi o apoio mais importante? E qual foi o apoio que mais falta sentiste?

O apoio mais importante foi da minha família, na altura tudo era novo, por isso tudo era perfeito, a única coisa que não era muito agradável era de ter de treinar no pelado.

JR – O que te motiva para continuares na prática desportiva?

O gosto por jogar futebol.

JR – Quais são as condições fundamentais para atingires os teus objectivos pessoais e/ou colectivos?

Os meus objectivos pessoais passam pelo colectivo, neste momento o grupo trabalha para conquistar mais um título nacional e a taça de Portugal, para isso é necessário o grupo estar coeso e trabalhar de uma forma séria.

JR – Para ti, O Jogo das Raparigas é inovador, criativo e motivador.

JR – De que forma queres apoiar O Jogo das Raparigas?

Estarei, sempre que possível, disponível a ajudar e a apoiar todas as iniciativas que fizerem.

JR – Deixa uma mensagem para as raparigas que agora iniciam a prática do futebol:

Dêem sempre o vosso melhor, lutem pelos vossos objectivos pois, mais cedo ou mais tarde, o vosso esforço será recompensado.

3) EU…

Gosto de dar treinos de futebol.

Não Gosto de perder e dormir até tarde:)).

Sou lutadora.

Gosto de jogar no Jamor.

O momento mais importante que vivi no futebol. Foram dois a nível pessoal, a 1ª e a 100ª internacionalizações.

Gostaria muito de chegar a uma fase final de um apuramento para o campeonato da Europa ou do Mundo.

Entrevista efectuada pelo “Jogo das Raparigas” – Dia 9 de Fevereiro de 2011

Sandra Costa

O futebol faz parte da minha vida. Desde cedo que jogo futebol e decidi criar o Portal Futebol Feminino em Portugal porque senti que ninguém conhecia, sabia ou falava de futebol feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *