Barça dá cartas no futebol feminino

A formação feminina do Barcelona passou de uma equipa banal a líder invicta da Liga espanhola e o treinador Xavier Llorens, que trabalhou na formação de Lionel Messi, explica como tudo aconteceu.
Barça dá cartas no futebol feminino

Sonia Bermúdez é um dos grandes reforços do Barcelona©FC Barcelona

Há alguns anos a equipa feminina do FC Barcelona era considerada uma das mais fracas da primeira divisão espanhola, não conseguindo escapar à descida de divisão em 2006/07. Entretanto tudo mudou e, até meio desta época, as catalãs só perderam dois pontos em 17 jornadas.

Esta melhoria de rendimento ficou a dever-se à chegada de Xavier Llorens para treinar a equipa. Llorens, que foi o primeiro treinador de Lionel Messi no Barcelona quando era responsável pela equipa B de Sub-14, explicou como procedeu a esta verdadeira revolução.

“Durante 17 anos trabalhei com os jovens dos escalões de formação”, recordou Llorens ao UEFA.com. “O José Ramón Alexanco, que era o responsável pelos escalões jovens, falou comigo e disse que eu devia passar a treinar a equipa feminina. Explicou que era necessário proceder a mudanças e que não interessava se a equipa sofresse uma quebra nos primeiros tempos.”

“Comecei do zero. Descemos de divisão, mas rapidamente voltámos a subir e aprendemos com os erros cometidos. Gradualmente, começámos a resolver os problemas até chegarmos onde estamos. A parte mais importante de todo este processo foi que tivemos sempre o apoio da Direcção do clube.”

Os resultados estão à vista e na próxima época o Barcelona poderá estar em condições de lutar pela UEFA Women’s Champions League, UEFA Champions League e Taça UEFA de Futsal. A equipa catalã conseguiu reforçar-se com jogadoras talentosas como Miriam Diéguez, Sonia Bermúdez, Kenty Robles, Ludmila Manicler e Alba Aznar.

“Não houve grandes mudanças no orçamento disponível para contratações”, destacou Llorens. “A diferença é que agora as jogadoras querem vir para o Barça.”

Miriam e Sonia, que foram contratadas às campeãs do Rayo Vallecano de Madrid, causaram sensação na equipa do Barcelona que começou a época com um recorde de 14 vitórias consecutivas. “A Miriam e a Sonia têm um talento incrível, mentalidades vencedoras e são pessoas fantásticas”, sublinhou o treinador.

As detentoras da Taça de Espanha somaram 16 vitórias em 17 jornadas do campeonato e têm três pontos de vantagem sobre o Athletic Club, só tendo perdido pontos no empate a três golos com RCD Espanyol de Barcelona em Dezembro. “Gostamos de trabalhar semanalmente e pensar jogo a jogo”, afirmou Llorens.

In http://pt.uefa.com

Sandra Costa

O futebol faz parte da minha vida. Desde cedo que jogo futebol e decidi criar o Portal Futebol Feminino em Portugal porque senti que ninguém conhecia, sabia ou falava de futebol feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *