Carolina Vilão reforça baliza leonina – Sporting.pt

Foto: Mário Vasa
Foto: Mário Vasa

 

Tem apenas 16 anos, chega do Belenenses – onde já jogou na equipa sénior – e chega para evoluir com “duas das melhores guarda-redes do país”

A equipa leonina de futebol feminino, actual campeã nacional e vencedora da Taça de Portugal, reforçou-se na passada semana com Mariana Azevedo e Carlyn Baldwin e, agora, chegou a altura de Carolina Vilão assinar pela equipa verde e branca. Com apenas 16 anos, a guarda-redes proveniente do Belenenses e com passagens pelo Atlético Clube de Portugal, o 1.º de Dezembro e o CAC ingressa agora no Sporting CP, que considera o melhor Clube para prosseguir o seu desenvolvimento.

“É bom estar aqui porque é um dos melhores Clubes de Portugal e porque estão a apostar muito no futebol feminino. Estou a gostar da experiência, estar a treinar com as melhores do país é uma forma de evoluir mais. Vindo de clubes que não tinham nada, chegar aqui não diria tratar-se de um luxo, mas é quase isso. Estar neste patamar é completamente diferente, nunca pensei que em Portugal se evoluísse tanto em condições como no próprio jogo”, disse Carolina, que começou a jogar futebol com apenas quatro anos e que diz estar a ser muito bem recebida pelas colegas de posição.

“Tenho gostado muito de estar tanto com a Inês [Pereira] como com a Patrícia [Morais], são duas excelentes colegas. A Patrícia está num nível extraordinário, sempre a vi jogar desde pequenina e sempre foi um sonho estar com ela e com as melhores. Estou fascinada. A relação é muito boa, ela recebeu-me muito bem e a sensação é espectacular”, disse, ela que apontou à estreia em Alvalade e na Liga dos Campeões como alguns dos sonhos que espera representar num futuro próximo, e elogiou Nuno Cristóvão, que já conhece pela passagem no 1.º de Dezembro.

“Gostei muito de reencontrar o mister, que conheci no 1.º de Dezembro. Gosto muito dele como treinador e acho que me vai ajudar muito tanto pessoalmente como a toda a equipa, colectivamente”, indicou Carolina Vilão, que apesar da juventude já tem muitos anos de futebol feminino nas pernas e, apesar dessa experiência, diz nunca ter esperado que a modalidade desse um salto tão significativo por cá: “Sinceramente, nunca pensei que em Portugal se fosse apostar tanto no futebol feminino, de um ano para o outro, com tantos adeptos, que os há cada vez mais”, rematou a guarda-redes.

 

In http://www.sporting.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *