“Este prémio motiva as jogadoras”

Inês Cruz, 21 anos, média do Atlético Ouriense foi eleita pelo Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF) a Melhor Jogadora da I Divisão do mês de abril. Alfredo Ranque Franque entregou o galardão.

Surpreendida por ter sido eleita a Melhor Jogadora da I Divisão do mês de abril?
Sim, foi uma boa surpresa, não estava à espera.

Como vê a atuação do Sindicato no âmbito de promover o futebol feminino em Portugal?
O Sindicato tem tido um papel muito importante na divulgação do futebol feminino. É uma grande ajuda e este prémio vem reforçar ainda mais essa divulgação, além de ser de motivação para as jogadoras.

O que é que falta para o futebol feminino em Portugal dar o salto desejado?
Formação, divulgação e aposta dos grandes clubes é o que falta para desenvolver a modalidade em Portugal.

Já foi vítima de machismo no futebol?
Sim, principalmente quando jogava em equipas mistas. A mentalidade está a mudar mais ainda se nota algum machismo.

Como surgiu o gosto pelo futebol? Foi influenciada por alguém?
O gosto pelo futebol vem de família. Comecei a jogar na rua, na escola, federada e ainda não parei…

Qual é o seu percurso desportivo?
Comecei em 2003, a jogar futebol 7, com rapazes, no Pataiense. Depois estive na escola de futebol do Benfica, na Quinta do Pinheiro, perto de Alcobaça, também com rapazes. Depois fui jogar futsal feminino no Golpilheira, onde ganhei vários títulos coletivos e individuais. A seguir fui jogar futebol 11 em Viseu, no Escola Futebol Clube, onde estive dois anos, e esta época vim para o Ouriense.

Além do futebol o que é que faz?
Estudo Treino Desportivo, variante futebol, em Rio Maior.

Quais são as suas expectativas no futebol feminino?
Ambiciono mais. Quero ir à seleção e talvez jogar no estrangeiro. Digo talvez porque não estou obcecada em ser profissional. Os estudos são mais importantes.

Tem algum ídolo no futebol (masculino e feminino)?
Vários, no masculino o Cristiano Ronaldo e o Messi, no feminino, a Cláudia Neto, a Neide Simões, a Alex Morgan e a Megan Rapinoe.

B.I.:

Clube | Atlético Ouriense

Posição | Média

Nacionalidade | Portuguesa

D. N. | 1991-11-08 (21 anos)

AnaSilva

Adepta do desporto em geral, mas apaixonada pela modalidade REI (Futebol). Passei a fazer parte deste projecto Portal Futebol Feminino em Portugal com a intenção de poder ajudar na divulgação e promoção do Futebol Feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *