Grupo de Estudos da UEFA prossegue em 2012

As federações de futebol da Europa vão continuar a levar a cabo preciosas trocas de experiências e conhecimentos técnicos em 2012 através do inovador programa de Grupo de Estudos da UEFA.
Grupo de Estudos da UEFA prossegue em 2012

Representantes das federações do Azerbaijão, Chipre e Cazaquistão visitaram a França num seminário do Grupo de Estudos©FFF

O Grupo de Estudos da UEFA, inovador programa de troca de conhecimentos técnicos, parte de plena saúde para a segunda parte da sua quarta temporada.

Está planeada a realização de mais de 30 seminários até Junho, com as federações de futebol da Europa a visitarem-se entre si com o objectivo de dar e receber conhecimento nas áreas do futebol jovem de elite, futebol feminino, formação de treinadores e “raízes” do futebol. O treino de guarda-redes foi igualmente acrescentado a esta lista de tópicos abrangidos por este programa, uma iniciativa do presidente da UEFA, Michel Platini, tendo em vista o bem-estar do futebol europeu.

Apropriadamente, a França foi um dos primeiros países a receber um seminário do Grupo de Estudos em 2012. Representantes das federações de futebol do Azerbaijão, Chipre e Cazaquistão visitaram o centro técnico da Federação Francesa de Futebol (FFF), em Clairefontaine, para discutirem questões centrais da formação de treinadores – aspecto vital do futebol, dado que técnicos com melhor formação ajudam a desenvolver melhores futebolistas.

Também a Croácia já recebeu este ano a visita de membros das federações de Malta, Montenegro e Albânia num seminário sobre o futebol jovem de elite. Presentes nestes seminários estiveram elementos do Comité de Desenvolvimento e Assistência Técnica da UEFA: Mordechai Shpigler esteve em França e Vlatko Marković observou o desenrolar do evento na Croácia.

O objectivo do programa passa por potenciar uma maior troca de conhecimento técnico, pois as federações europeias que integram a UEFA visitam-se umas às outras para partilharem experiência e boas práticas. Ajudado por financiamentos da UEFA, o programa visa aumentar os padrões de conhecimento técnico por toda a Europa, em que os os especialistas das federações recolhem experiências e conselhos junto de outras federações ou a nível de clubes.

“Acima de tudo, considero que o futebol constitui um extraordinário veículo educacional”, afirmou Shpigler ao “site” da Federação Francesa de Futebol. “É necessário muito trabalho em todos os países, mas a Europa tem de se orgulhar do que está a ser alcançado com este programa.”

“O Grupo de Estudos da UEFA está a evoluir”, acrescentou. “Ainda se encontra em desenvolvimento, uma vez que se trata de um projecto a longo prazo. A beleza do futebol é ter a capacidade de juntar jogadores que falam línguas diferentes mas que partilham o mesmo interesse, a mesma paixão. É esse, também, o caso dos técnicos que vêm das diferentes regiões do território da UEFA.”

No total, estão planeados 55 seminários para o ciclo 2011/12. Vinte tiveram lugar até ao Natal, incluindo dois sobre treino de guarda-redes, realizados em Bruxelas e Dublin. Até Junho, está prevista a realização de mais 35 seminários, dois dos quais serão também sobre treino de guarda-redes, em Estocolmo (Março) e Amesterdão (Maio).

Um dos próximos seminários, agendado para o final deste mês, será em Espanha, com a presença de representantes da Bélgica, Albânia e Geórgia, e versará a temática das “raízes” do futebol. Per Ravn Omdal, membro honorário da UEFA e embaixador das “raízes” do futebol, vai também estar presente. O futebol feminino, por sua vez, estará na agenda quando Hungria, Sérvia e Antiga República Jugoslava da Macedónia visitarem a Noruega.

A UEFA está igualmente satisfeita por contar com cinco novas federações como anfitriãs do Grupo de Estudos: Israel, Malta, Chipre, República Moldava e Eslovénia.

In pt.uefa.com

Sandra Costa

O futebol faz parte da minha vida. Desde cedo que jogo futebol e decidi criar o Portal Futebol Feminino em Portugal porque senti que ninguém conhecia, sabia ou falava de futebol feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *