Lewes FC, onde as equipas femininas recebem o mesmo que as masculinas

Há quase dois anos, o Lewes FC comprometeu-se a investir de igual forma em nos seus jogadores e jogadoras.
Foto: Twitter/Lewes F.C.

O Lewes F.C. é o único clube de futebol do mundo que assumiu publicamente o compromisso de combater a disparidade salarial entre homens e mulheres.

O clube britânico, originário da cidade com o mesmo nome estabeleceu o mesmo orçamento para as suas equipas femininas e masculinas e garante que todos passariam a receber o mesmo.

Conta o Deutsche Welle que a decisão foi tomada no início da temporada 2017-2018, quando a equipa feminina jogava na terceira divisão (League One) e a masculina no oitavo. “Ambas as equipas terão o mesmo orçamento, sem discriminação”.

Todos os jogadores e jogadoras do clube dedicam-se ao futebol em part time e recebem entre 150 a 200 libras (cerca de 175 a 235 euros) por semana.

O clube não tem proprietário, funciona graças à colaboração dos sócios, pelo que para garantir a paridade optou para aumentou o orçamento da equipe feminina, em vez de cortar os salários dos jogadores homens.

Desde a implementação desta medida, a adesão a jogos das mulheres subiu 500%. As equipas femininas contaram com o apoio de mais de 624 adeptos neste espaço com 134 anos, número semelhante às equipas masculinas.

Outra grande conquista para as mulheres foi a contratação do espanhol Fran Alonso, que treinou durante anos na primeira liga, em clubes como o Southampton, o Everton e o Tottenham.

A mensagem de igualdade foi o principal motivo que levou o técnico a aceitar a proposta. “Para mim, não importou o facto de poder ganhar 20 vezes mais na quarta ou quinta liga masculina do que na segunda liga feminina”, disse ao Deutsche Welle.

In https://www.tsf.pt/

Sandra Costa

O futebol faz parte da minha vida. Desde cedo que jogo futebol e decidi criar o Portal Futebol Feminino em Portugal porque senti que ninguém conhecia, sabia ou falava de futebol feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *