Liga dos Campeões: Poderia francês fez (toda) a diferença

Dia histórico para o futebol feminino nacional, um resultado duro mas que em nada belisca o espírito das Gverreiras do Minho e dois universos (ainda) paralelos.

Em estreia na fase a eliminar da UEFA Women’s Champions League, o SC Braga perdeu na receção ao todo poderoso Paris Saint-Germain por 0-7. A qualidade do colosso francês fez toda a diferença, mas as Gverreiras do Minho caem de pé.

O encontro – e o resultado – começaram a definir-se bem cedo… Aos 7 minutos Diani foi travada dentro da grande área e, na conversão da grande penalidade, Katoto começou a desenhar o triunfo francês.

O SC Braga quase nunca conseguiu contrariar o poderio do adversário e o Paris Saint-Germain acabou por dilatar a vantagem antes do intervalo. Katoto bisou aos 32′ e Formiga fez os 3-0 aos 41 minutos.

O segundo tempo começou… como terminou o primeiro… Com golos do conjunto francês. Até à hora de jogo, o Paris Saint-Germain chegou à mão cheia de golos por intermédio de Diani (47′) e de Katoto (60′), que completou assim o hattrick.

O cansaço tomou conta da equipa de Miguel Santos e foi com alguma naturalidade que o resultado se avolumou. Saída do banco, Huitema bisou na partida e fechou, assim, o resultado final.

Resultado difícil para um SC Braga que sai de cabeça erguida deste encontro. Foco total na batalha com o Sporting CP, agendada para a próxima segunda-feira.

In https://scbraga.pt

Sandra Costa

O futebol faz parte da minha vida. Desde cedo que jogo futebol e decidi criar o Portal Futebol Feminino em Portugal porque senti que ninguém conhecia, sabia ou falava de futebol feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *