Lyon vence o PSG nos penalties e conquista o primeiro Troféu dos Campeões

A maior potência do futebol feminino mundial, o Lyon aumentou a sua coleção de títulos neste sábado, ao conquistar a primeira edição feminina do Troféu dos Campeões na França. No entanto, apesar da hegemonia, o Lyon só chegou ao título na disputa de pênatis contra o rival Paris Saint-Germain (4 a 3), após empate em 1 a 1 no tempo normal.

Jogadoras do Lyon comemoram a conquista do Troféu dos Campeões na França — Foto: Twitter/Lyon FemininoJogadoras do Lyon comemoram a conquista do Troféu dos Campeões na França — Foto: Twitter/Lyon Feminino

Jogadoras do Lyon comemoram a conquista do Troféu dos Campeões na França — Foto: Twitter/Lyon Feminino

O Troféu dos Campeões opõe os vencedores do Campeonato Francês e da Taça da França. Como o Lyon venceu as duas competições, abriu vaga para o PSG, por ser o atual vice-campeão francês. Com a vitória, o Lyon agora é o atual campeão francês, da Taça da França, do Troféu dos Campeões e da Liga dos Campeões da UEFA, todos os títulos oficiais possíveis a conquistar pelo clube no futebol feminino.

O domínio do Lyon é ainda mais amplo. A equipa conquistou as últimas 13 edições do Campeonato Francês, sete das últimas oito Taças da França e seis das últimas nove edições da Liga dos Campeões da UEFA, sendo as quatro últimas em sequência.

Desde 2011, o Lyon conquistou 23 títulos oficiais em 28 disputados (seis Champions, sete Taças da França, nove Campeonatos Franceses e, agora, o primeiro Troféu dos Campeões).

Neste sábado, no Stade de Roudourou, em Guingamp, o Lyon sofreu mais do que o favoritismo indicava. Amel Majri abriu o placar com um bonito chute cruzado, aos 31 minutos do primeiro tempo, mas o PSG, da atacante brasileira Formiga, empatou aos 42 minutos, com um golo de Nadia Nadim, aproveitando uma falha na saída de bola do Lyon.

View image on Twitter

Com grande atuação da goleira chilena Christiane Endler, o PSG conseguiu segurar a pressão do Lyon. Foram pelo menos quatro defesas de destaque na partida. Nos penalties, porém, quem brilhou foi a goleira do Lyon, Sarah Bouhaddi, que defendeu as cobranças de Marie Katoto e Grace Geyoro para garantir a vitória por 4 a 3.

In https://globoesporte.globo.com

Sandra Costa

O futebol faz parte da minha vida. Desde cedo que jogo futebol e decidi criar o Portal Futebol Feminino em Portugal porque senti que ninguém conhecia, sabia ou falava de futebol feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *