Matilde Fidalgo: “Estádio cheio? É uma ansiedade boa”

Internacional portuguesa Matilde Fidalgo fala sobre a expectativa de defrontar as Campeãs do Mundo de futebol feminino num estádio com 60 mil adeptos.

A Seleção Nacional feminina A realizou esta terça-feira o primeiro treino em Filadélfia, onde irá defrontar a sua congénere dos EUA, quinta-feira, pelas 00h00 de Portugal continental [19h00 locais], no Estádio Lincoln Financial.

No arranque dos trabalhos , a porta-voz da Equipa das Quinas foi Matilde Fidalgo. De regresso à armada lusa, a defesa do Manchester City falou da expetactiva de jogar num estádio com 60 mil adeptos e alertou para o poderio físico das norte-americanas.

“Estádio cheio? Não é pressão. Pressão é ter os treinadores a verem-me, porque são eles que decidem se jogo ou não. Jogar perante 60 pessoas, e frente às Campeãs do Mundo, é uma ansiedade boa. O Estádio Lincoln Filadélfia é o palco em que sempre quisemos estar”, começou por dizer a jogadora, antes de traçar o perfil das adversárias.

“O ponto mais forte delas é o poder físico e a intensidade que imprimem ao jogo. Parecem cavalos a galgar terreno; é um poderio físico muito grande. A confiança que o grupo tem em si, e até uma certa arrogância, também se sente em campo. Elas acreditam que são melhores, que estão mais fortes e vão ganhar. Essa postura faz tremer um pouco quem joga contra elas”, afirmou.

Matilde Fidalgo acredita que os dois testes frente aos EUA serão “muito úteis” na preparação da armada lusa para o apuramento do Europeu de 2021, que arranca em outubro.

“Porque nesta qualificação vamos jogar com uma dificuldade acrescida, que é o facto de já não sermos surpresa para ninguém. As outras seleções já nos conhecem, viram que fizemos bons resultados e encaram-nos com outra postura. Provavelmente vão retrair-se um pouco mais e nós vamos ter que assumir mais o jogo. Precisamos de jogos exigentes para chegarmos ao apuramento na melhor forma”.

Sobre o regresso às opções de Francisco Neto, a defesa foi taxativa: “Fiquei muito feliz, porque estive parada devido a uma lesão que sofri na Algarve Cup. É muito importante estar aqui em ano de apuramento. Sinto-me sempre em casa neste grupo”.

Apuramento a 4 de outubro

Portugal, recorde-se, inicia o apuramento a 4 de outubro, com uma deslocação à Albânia. Seguem-se dois embates frente à Finlândia – o primeiro em casa, a 12 de novembro, e o segundo em solo finlandês, a 10 de abril de 2020.

A 14 de abril, a armada lusa visitará a Escócia. Já os jogos frente ao Chipre estão marcados para os dias 5 (fora) e 9 de junho (casa).

A Equipa das Quinas encerrará a qualificação em casa, no mês de setembro de 2020, com jogos frente à seleção escocesa (dia 18) e a Albânia (dia 22).

Apuram-se para a fase final os vencedores de cada grupo de qualificação mais os três segundos classificados com melhores resultados face ao primeiro, terceiro, quarto e quinto no seu grupo.

Os restantes segundos classificados vão disputar um “play-off” em outubro de 2020, para assegurar as três vagas em aberto na fase final.

Histórico desfavorável às cores lusas

As seleções femininas A de Portugal e EUA defrontaram-se em oito ocasiões, tendo a formação lusa perdido sempre, embora com uma exibição empolgante no último encontro, em novembro de 2018, no Estoril, onde perdeu pela margem mínima (0-1).

Para trás, ficaram desfechos mais duros para as cores nacionais: um 0-5 em 1994, dois desaires por 3-0 no ano seguinte, antes das derrotas mais pesadas, 7-0 e 6-0 em 1999, e novamente 7-0 em 2000. E em 2001, Portugal foi batido por 2-0 no Estádio Dr. Francisco Vieira, em Silves.

Recorde a lista de convocadas ppara os embates com os EUA:

AC Milan – Mónica Mendes
BV Borussia Bocholt – Ana Leite
Inter Milão – Andreia Norton
Manchester City – Matilde Fidalgo
Olympique Lyon – Jéssica Silva
SC Braga – Diana Gomes, Dolores Silva, Inês Maia, Rute Costa, Vanessa Marques e Ágata Pimenta
SL Benfica – Raquel Infante e Sílvia Rebelo
Sporting CP – Ana Borges, Carolina Mendes, Diana Silva, Fátima Pinto, Inês Pereira, Joana Marchão, Patrícia Morais e Tatiana Pinto
Stade de Reims – Mélissa Gomes
Wolfsburg – Cláudia Neto

Programa de atividades da Seleção Nacional:

28.08.2019 | quarta-feira
11h00 Treino no Estádio Lincoln Financial

29.08.2019 | quinta-feira
19h00 JOGO EUA X PORTUGAL – Estádio Lincoln Financial

30.08.2019 | sexta-feira
17h30 Treino – Philadelphia Union Training Fields

31.08.2019 | sábado
08h20 Voo AA513 Filadélfia – Boston
10h17 Chegada a Minneapolis
17h30 Treino no Minnesota United Training Fields

01.09.2019 | domingo
17h30 Treino no Minnesota United FC Training Fields

02.09.2019 | segunda-feira
11h00 Treino no Minnesota United FC Training Fields

03.09.2019 | terça-feira
19h00 JOGO EUA X PORTUGAL – Allianz Field

04.09.2019 | quarta-feira
09h38 Voo B6 836 Minneapolis – Boston
13h24 Chegada a Boston Logan International Airport
18h20 Voos TP 218 Boston – Lisboa

05.09.2019 | quinta-feira
05h56 Chegada ao Aeroporto de Lisboa
Pequeno-almoço no Hotel Tryp Aeroporto

In www.fpf.pt

Sandra Costa

O futebol faz parte da minha vida. Desde cedo que jogo futebol e decidi criar o Portal Futebol Feminino em Portugal porque senti que ninguém conhecia, sabia ou falava de futebol feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *