Processo de certificação alargado ao futebol feminino

Um clube que pretenda ter 5 estrelas deve ter uma equipa feminina ou, pelo menos, 20 jogadoras inscritas. Mudanças entram em vigor a partir de 2020/2021.

A FPF anunciou novas mudanças no processo de certificação de Entidades Formadoras. Até agora apenas destinado ao futebol e ao futsal masculino, este processo é alargado também aos clubes com futebol e futsal feminino já na época em curso, com início em setembro.

Outra das alterações a serem implementadas, também a partir de 2020/2021, prende-se com o facto de apenas os clubes que tiverem uma equipa feminina, ou pelo menos 20 jogadoras inscritas (cumpre o critério se forem divididas por duas ou mais equipas de outros escalões) é que podem obter a classificação máxima de 5 estrelas como entidade formadora certificada.

Estão também já consagradas no Regulamento e Manual de Certificação outras alterações como, por exemplo, a pontuação em alguns dos critérios e nas Entidades com 3 e 4 Estrelas; alguns critérios obrigatórios, novas obrigações ao nível da Ética e Integridade e ainda no critério do Acompanhamento Médico, diferenciação na avaliação das instalações desportivas e nos documentos relativos à formação desportiva, bem como para as Entidades localizadas em territórios de baixa densidade e Ilhas.

Os clubes que têm futebol e futsal feminino iniciam o processo de certificação a 1 de setembro, tendo até 31 de outubro, para efetuarem o registo na plataforma de certificação em http://certificacao.fpf.pt/, e posteriormente preencherem a autoavaliação, primeira e segunda etapa do processo de certificação.

O processo de certificação da FPF para 2019/20 decorre durante a época, sendo que a primeira etapa, para os clubes que vem pela primeira vez ao processo, cumpre-se com o registo na plataforma, e a segunda etapa, com o preenchimento da autoavaliação das entidades que se iniciou a 1 de Julho e termina a 31 de outubro.

Durante a última temporada, a FPF e as subcomissões de Certificação das Associações Distritais e Regionais avaliaram 754 entidades desportivas no futebol e futsal. Iniciaram e registaram-se no processo 1.140 Entidades, 859 das quais submeteram a sua autoavaliação e 754 concluíram o processo.

Consulte aqui os resultados do processo de certificação da época 2018/19”

In fpf.pt

AnaSilva

Adepta do desporto em geral, mas apaixonada pela modalidade REI (Futebol). Passei a fazer parte deste projecto Portal Futebol Feminino em Portugal com a intenção de poder ajudar na divulgação e promoção do Futebol Feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *