“Se vestir o equipamento de treino da seleção, é uma sensação incrível, a camisola deve ser algo de outro mundo”, Maria Baleia, SU 1.º Dezembro

1) BI Futebolístico
Nome completo: Maria Freire Baleia
Nome Futebolístico: Baleia
Local e data de nascimento: Cascais, 11|03|96
Nacionalidade: Portuguesa
Profissão: Estudante
Ano que iniciaste a prática futebol federado: 2006
Clubes que já representaste no futebol: Soccer Cascais, Malveira da Serra
Clube Actual: 1º Dezembro
Posição especifica: Avançada
Títulos Colectivos Conquistados : Taça coca-cola 2012
Títulos Individuais Conquistados :
Número de internacionalizações:
Clube Favorito: Barcelona
Número Preferido: 10
Jogador preferido: Messi
Jogadora preferida: Marta Vieira da Silva
Uma virtude: Persistente
Um defeito : teimosa

2)Como é que começaste a praticar futebol?

Jogava em casa com o meu irmão, sempre tive uma grande atracão pela bola, e tendo um irmão fez com que essa atracão crescesse tornando-se em algo muito importante, até que pedi à minha mãe para me inscrever numa equipa de Futebol. Comecei a jogar com seis anos, numa equipa de rapazes e joguei com rapazes ate aos 13.

3)Tiveste o apoio da tua família?

Sim, sempre tive apoio. Se bem que para o meu pai sempre foi um pouco estranho esta paixão pelo futebol, principalmente porque jogava com rapazes.

4)O futebol foi sempre a única paixão , ou gostavas de fazer desporto em geral?

O futebol é a minha única paixão, mas sempre gostei bastante de fazer desporto.

5)Qual foi o melhor e o pior momento que viveste no futebol até hoje e porquê?

O melhor momento foi este ano, tive a possibilidade de ir a estágios da selecção. O pior foi a lesão que tive já esta época.

6)Como te descreves como jogadora?

Lutadora. Acho que nunca desisti de uma jogada, nunca desisti por mais que o jogo estivesse a correr mal ou que estivéssemos a perder. Hei-de lutar até soar o ultimo apito do arbitro.

7)Tens alguma superstição ou ritual antes ou depois dos jogos?

Gosto de me equipar a ouvir musica, é o ultimo momento de descontracção, e momento de concentrar.

8)O que te motiva para continuares a jogar futebol?

O sonho de todas as jogadoras é poder representar o seu pais. É o que mais me motiva, mas também acho que nós, jogadoras, temos de mostrar que também somos tão boas como os homens. Temos de vincar a nossa posição.

9)Alguma vez sentiste que o futebol te prejudicava nos estudos ou na tua vida profissional?

Não, sempre consegui conciliar tudo. Posso sair menos, não ir a tantos jantares, festas ou outras coisas que jovens da minha idade fazem, mas não me importo.

10)A falta de condições e de reconhecimento do futebol feminino é só um problema de dinheiro?

Não, as pessoas simplesmente não querem dar atenção ao futebol feminino, apesar de já estar muito melhor.

11)Achas que o futebol feminino ainda está ligado a preconceitos?

Um pouco,talvez.

12)Achas que num futuro próximo vamos ter uma liga profissional em Portugal?

Não sei, temos de lutar para isso.

13)Qual a liga estrangeira que mais te atrai?

A Liga Espanhola

14)Se te aparecesse uma oportunidade para ser profissional em Portugal ou no estrangeiro aceitavas?

Sim, é um passo bastante importante.

15)Até quando pensas jogar futebol?

Quando sentir que já não precisam de mim na equipa, e quando sentir que já dei tudo de mim.

Como é vestir a camisola da selecção portuguesa?

Se vestir o equipamento de treino é uma sensação incrível, a camisola deve ser algo de outro mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *