Selecção Nacional Sub-19: Sem nada a perder

Mariane Amaro joga nas francesas do PSG

Depois de afastar equipas como a Noruega ou a Bélgica da fase final do Campeonato da Europa Turquia 2012, Mariane Amaro acredita que aSelecção Nacional Feminina Sub-19 continuará a fazer história.

Com o estatuto de estreante a jogar a favor, a defesa lusa, que conta já 23 internacionalizações, uma das quais ao serviço da Selecção “A”, acredita quePortugal tem hipóteses de ser bem sucedido na fase final do Europeu.

“Penso que por ser a nossa primeira presença no Europeu não sofreremos tanta pressão como as equipas que têm já tradição nesta competição. Não temos nada a perder, muito pelo contrário, temos muito a ganhar. Penso que já surpreendemos muita gente quando obtivemos a nossa qualificação para a fase final e poderemos fazer muito mais. O Futebol Feminino portuguêsestá em plena evolução e isto é apenas o início do seu desenvolvimento”, afirmou.

Assumidamente optimista para esta fase final, Mariane aponta a garra e emoção das pupilas de José Paisana como “armas” para o sucesso. “Se entrarmos em campo com a mesma garra com que entrámos até agora, podemos ir longe. Todas as selecções são muito fortes, porque conseguiram passar por duas fases de qualificação para chegarem até aqui, mas são duas as equipas que passam à próxima fase, por isso vamos acreditar até ao fim. Já fomos capazes de mostrar as nossas capacidades, por que não fazê-lo mais uma vez? Vamos jogar com o coração e tentar desfrutar deste momento único na nossa história. Tenho confiança na nossa equipa e em todo o trabalho que tem sido feito pela equipa.”

Colocando os interesses da equipa acima dos pessoais, a jogadora do Paris Saint Germain espera que as suas prestações contribuam para o sucesso das Sub-19 lusas, escalão que representa pela última vez. “O meu principal objectivo é conseguir ajudar a equipa no Europeu. É a minha última época enquanto jogadora Sub-19 – Mariane completará 19 anos no próximo mês de Setembro – e espero aproveitar esta oportunidade até ao último momento. Não tenciono ser vista, ser o centro das atenções, mas se conseguir captar a atenção da equipa técnica e continuar a marcar presença na Selecção Nacional, tanto melhor. É um orgulho representar Portugal e o meu sonho é ajudar a equipa a chegar o mais longe possível.”

A jogadora luso-descendente diz-se feliz por fazer parte de um grupo onde a mentalidade e vontade de vencer são as características mais visíveis. “Gosto imenso de partilhar este espaço com as minhas colegas da Selecção, cuja mentalidade e vontade de vencer são inigualáveis, não encontrei estas características em mais lado nenhum. Acho que só passando por esta fabulosa equipa se pode perceber a mentalidade e a força que possuem, é realmente um fenómeno.”

A Equipa das Quinas cumprirá mais uma sessão de treino, no final de tarde deste domingo, no Centro de Estágio Rosa Náutica, em Quiaios. Na próxima segunda-feira, dia 25 de Junho, a última sessão do dia, agendada para as 18h00, será substituída por um jogo-treino, frente à formação de Iniciados daNaval 1º Maio.

In www.fpf.pt

Sandra Costa

O futebol faz parte da minha vida. Desde cedo que jogo futebol e decidi criar o Portal Futebol Feminino em Portugal porque senti que ninguém conhecia, sabia ou falava de futebol feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *